Nosso saquinho de sono

16 ago

Está sendo muito engraçado observar o comportamento da Lilo nesse inverno.

A rotina de passeios dela é sempre a mesma, com uma ou outra exceção: como saio de casa mais cedo, marido vai passear com ela de manhã, antes de ir trabalhar, e eu passeio com ela a tarde, já que chego antes também.

Tenho me divertido com as peripécias dela, que o marido me conta toda manhã.

Ela dorme conosco e, desde que o inverno começou, tem sido um custo tirá-la da cama. Marido levanta, veste roupa, etc, e ela lá, deitadinha. Só sai da cama quando ele sai do quarto.

Seja por sono, por frio, ou só pra ver se o pai fica na cama com ela mais um pouquinho, ela ganhou o apelido de saquinho de sono!

Hoje fez muito frio, e ela se superou: não quis sair da cama. Marido levou ela para o sofá, colocou roupinha e coleira, e ela voltou correndo pra cama!! Ele chamou, chamou e ela não queria ir passear. Ele teve que empurrá-la porta afora.

Ela não é uma fofa?!

Em tempo – Uma pequena vitória para os animais: A Justiça de Pelotas, em decisão unânime, condenou um dos autores do assassinato da cadela Preta, há cinco anos, a pagar multa de 6 mil reais (o dinheiro será revertido ao canil municipal). Os dois outros autores não foram julgados porque se dispuseram a doar 5 mil reais cada um ao canil de Pelotas.

Anúncios

Uma resposta to “Nosso saquinho de sono”

  1. Fefa 29/08/2010 às 0:16 #

    Essa minha afilhada é sensacional! 😀

    É lindaaa!

    Excelente essa condenação! Sorte para os bichinhos. Que seja sempre assim.

    Amém!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: