Momento Melado

31 ago

… ou mela-cueca, como diria meu gatinho; ou momântico, como diria eu.

Bem, não sei se é de conhecimento geral que eu adoro Legião Urbana e Renato Russo. Sou fã, mesmo! Tenho todos os CDs, recortes de revistas, camiseta, fitas gravadas com entrevistas dadas por ele para TV e Rádio, sei todas as músicas de cor e salteado, ao escutar uma sei dizer qual vem depois no CD, faço parte do fã-clube Filhos da Revolução… enfim: adoro.

E, nada mais lógico, do que as músicas dele sempre me acompanharem… em todos os momentos, cabe uma música dele. Até “dei” uma para o Rô (que duvido que ele se lembre qual seja, mas anyway).

Então, é óbvio que também pensei nele quando fui fazer meu convite de casamento. Todo convite tem uma curta frase no início. A que me veio na cabeça, instantaneamente, faz parte dessa música:

Monte Castelo (vídeo oculto por um click)

Ainda que eu falasse a língua dos homens
Que eu falasse a língua dos anjos
Sem amor, eu nada seria

É só o amor, é só o amor
Que conhece o que é verdade
O amor é bom, não quer o mal
Não sente inveja ou se envaidece

O amor é o fogo que arde sem se ver
É ferida que dói e não se sente
É um contentamento descontente
É dor que desatina sem doer

Ainda que eu falasse a língua dos homens
Que eu falasse a língua dos anjos
Sem amor, eu nada seria

É o não querer mais que bem querer
É solitário andar por entre a gente
É um não contentar-se de contente
É cuidar que se ganha em se perder

É um estar-se preso por vontade
É servir a quem vence o vencedor
É um ter com quem nos mata lealdade
Tão contrário a si é o mesmo amor

Estou acordado e todos dormem
Todos dormem, todos dormem
Agora vejo em parte
Mas, então, veremos face-a-face

É só o amor, é só o amor
Que conhece o que é verdade
O amor é bom, não quer o mal
Não sente inveja ou se envaidece

Ainda que eu falasse a língua dos homens
Que eu falasse a língua dos anjos
Sem amor, eu nada seria

Não sei se todos sabem que essa música foi baseada em dois outros textos: em um soneto de Luís de Camões:

Amor é um fogo que arde sem se ver,
é ferida que dói, e não se sente;
é um contentamento descontente,
é dor que desatina sem doer.

É um não querer mais que bem querer;
é um andar solitário entre a gente;
é nunca contentar se de contente;
é um cuidar que ganha em se perder.

É querer estar preso por vontade;
é servir a quem vence, o vencedor;
é ter com quem nos mata, lealdade.

Mas como causar pode seu favor
nos corações humanos amizade,
se tão contrário a si é o mesmo Amor?

… e na primeira carta de São Paulo aos Coríntios, capítulo 13:

1 Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e näo tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.

2 E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e näo tivesse amor, nada seria.

3 E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e näo tivesse amor, nada disso me aproveitaria.

4 O amor é sofredor, é benigno; o amor näo é invejoso; o amor näo trata com leviandade, näo se ensoberbece.

5 Näo se porta com indecência, näo busca os seus interesses, näo se irrita, näo suspeita mal;

6 Näo folga com a injustiça, mas folga com a verdade;

7 Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

8 O amor nunca falha; mas havendo profecias, seräo aniquiladas; havendo línguas, cessaräo; havendo ciência, desaparecerá;

9 Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;

10 Mas, quando vier o que é perfeito, entäo o que o é em parte será aniquilado.

11 Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.

12 Porque agora vemos por espelho em enigma, mas entäo veremos face a face; agora conheço em parte, mas entäo conhecerei como também sou conhecido.

13 Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.

Pensei que colocar Renato Russo como referência em um convite de casamento não ficaria muito adequado, digamos 😀 . Colocar Camões não me agradaria, pois no poema dele não consta a frase que mais gostei. Restou citar a carta bíblica como fonte, mas achei que os escritos da carta eram muito, digamos, religiosos demais (e isso não é minha cara, definitivamente).

O que fiz? Fiz um mix entre a frase da carta e a frase da música de Renato Russo, e citei a carta, sem especificar nenhum versículo. Ficou assim: “Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, eu nada seria” (I Corintios 13)

E o convite ficou bem informal e fofo, com direito a desenho de noivinhos e tudo o mais (fotos clickaumentáveis)! Uma graça! A propósito, o casório está marcado e ocorrerá em novembro, em Poços de Caldas. Estão todos convidados! 😉

convite fechado convite aberto

Anúncios

13 Respostas to “Momento Melado”

  1. Rodrigo Figueiredo 31/08/2007 às 20:18 #

    É nois na fita!!!!!
    Ou melhor… No convite!
    Reafirmo o convite a todos e curti muito como ficou!

    😉

    Legal mesmo! Legião é legal!!!

    Quanto à música dedicada, nada do senhorito lembrar, né?

  2. ana p. 01/09/2007 às 15:27 #

    Que lindooooooooooooooooooooo!!!

    Eu lembrei de uma aula que eu tive no cursinho, sobre Camões e tals, e meu prof de literatura explicou a história da música do Legião.

    E vcs vão casar em novembro, cara, que legal! Cara, que legal! [não consigo pensar em outras coisas mais eufóricas e mais verdadeiras!]

    Que mega legal! E o convite tá lindo!

    [é só o amor que conhece o que é verdade]

    Beijokão!

    hahahahahaha… que legal foi o seu comentário! Bjos!

  3. Fefa 01/09/2007 às 19:33 #

    Eu só posso dizer que estou mega feliz pelo casamento de vocês. E só não comentei ontem esse post, da sua casa mesmo, pois me emocionei (para variar) e ia lascar toda a minha maquiagem.
    Camões, Legião Urbana, palavras de amor e casamento, como você achou que não tinha nada para se emocionar aqui? Ainda mais pra mim…

    Ê lerê!

    E eu achei o convite lindo! E acho que já acompanhei bastante coisa com vocês, e posso dizer com total certeza que vocês merecem que esse momento seja mais do que perfeito e que se torne inesquecível.
    E claro, que o resto dos dias seja de total felicidade!

    Beijaozãoooo!

    Brigadão, Fefa!! Bjos!

  4. Jô Beckman 02/09/2007 às 9:15 #

    eu posso dizer q já fui fã, quando era adolescente, a ponto de ficar de luto naquele outubro de 96.

    beijocas

    E agora não gosta mais? Eu ainda me delicio com as músicas… Bjo!

  5. poetamatematico 02/09/2007 às 9:24 #

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    tá bem mela cueca mesmo…

    😳

    Mas pô, é o seu momento especial…

    E por isso, vc merece tudo de bom

    Parabéns

    hehehe… brigadim!

  6. Mamy 03/09/2007 às 17:07 #

    Lindo!!!! Amei o convite, amei a citação do texto bíblico/legião! Felicidades!!!!

    Brigadim, Mamy!

  7. neutron 03/09/2007 às 17:21 #

    Ahh, eu lembro que até estudei essa música quando estava no Ensino Médio, por causa da citação a Camões. Mas confesso que ouvi taanto na aula e ela colou de um jeito na minha cabeça, que até hoje quando toca na rádio eu tiro, hehehehehe…

    Ah, jura?

    Ficou muito legal o convite do casamento, adorei a figura dos noivos 🙂

    Legal, né? Também adorei! Fica menos formal…

  8. Trotta 04/09/2007 às 12:21 #

    Eu sabia que era de Camões, mas não sabia dessa carta de São Paulo x Corinthians! Aliás, esse convite tá todo futebolista, inclusive com as cores do Palmeiras, hehehe!

    Nhá, não tem nada de futebolístico não, viu? Hunf!

  9. OgrO 06/09/2007 às 11:02 #

    Ah, de mto bom gosto o convite, gostei!

    😉

    Não sabia que precisava colocar citação em convite, no meu não foi nada! :S

    Ah, não? Bem em todos os que já recebi tinha uma frasezinha…

  10. patricia 19/09/2007 às 23:49 #

    Ola….
    O convite ficou lindoooooooooo
    Eu gostaria de saber onde eu encontro esses noivinhos?
    Obrigado e sejam felizesssssssssssssssssssssss

    Muito obrigada! Quanto aos noivinhos, era uma das figuras que tinha na gráfica onde mandei fazer, em Poços de Caldas, MG. Mas, com certeza, em qualquer gráfica você deve encontrar um casal de noivinhos pra enfeitar o convite! Volte sempre!!

  11. patricia 24/10/2007 às 12:49 #

    Ola..mas se eu quizer fazer meu, e usando os meus recursos…onde posso achar sem ser em grafica?

    Isso eu não sei! Pois fiz o meu na gráfica… Talvez você ache algo no google!

  12. Karen 26/02/2008 às 21:55 #

    Adorei! Eu me casei ao som dessa música, caminhei até o altar ao som de Legião Urbana! É linda mesmo!

    Poxa, que legal!

  13. Elaine 08/01/2009 às 8:10 #

    Oi… adorei os textos.
    O convite é lindo, e a frase emocionante!
    Tudo de muito bom gosto.
    Também gosto muito de Legião, e até estava pensando em fazer um mix no convite… colocar “omnia vincit amor” (nos cds do Legião é “legio omnia vincit”).
    Mas ainda estou vendo…
    Bom… é isso. Adorei seu convite.
    bjs

    Muito obrigada! Com certeza o seu também será lindo! Apareça!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: